Quem é João Amoedo do Partido Novo?

259
Joao amoedo canditato

Quem é João Amoêdo? João Amoêdo é um ex-executivo que abandonou o mercado financeiro para auxiliar na criação e fundação do Partido Novo na qual se filiou. Recentemente, foi anunciado pelo mesmo como pré-candidato à presidência.

Formado por indivíduos sem precedência de carreira política o Partido Novo (NOVO), partido de direita, tem uma única missão: Reconstruir a política brasileira no longo prazo através de ideias do liberalismo econômico.

O partido político brasileiro de direita foi fundado em 2011 e desde então tem buscado mais espaço no meio político.

Características de governo de João Amoêdo

Dentre as principais características de João Amoêdo destacam-se a sua formação em engenharia e administração de empresas e toda a sua carreira profissional.

Aos 55 anos de idade João já passou por empresas de renome como Citibank, BBA-Creditansalt e Fináustria até assumir o cargo de vice-presidente do Unibanco e membro do conselho de administração do Itaú-BBA.

João é conhecido como o homem da privatização. Suas propostas implicam na redução das funções principais do Estado entregando-as a empresas privadas, equilibrando dessa forma as contas públicas com fins de sobra para realizar estruturais reformas no país.

Todo esse “sonho utópico” de tirar o poder do Estado surgiu da insatisfação com a política tradicional que culminou na atual crise financeira e institucional. Em 2018, caso eleito espera implantar no ano subseqüente essa economia liberal no país.

João Dionisio Filgueira Barreto Amoêdo nasceu no Rio de Janeiro – estado onde reside atualmente – em 22 de outubro de 1962.

Joao amoedo partido novo

Outros pensamentos de João Amoêdo

João Amoêdo não embasa sua campanha política somente no quesito privatização. O presidenciável também possui opiniões firmes no que tange a assuntos polêmicos quando questionado sobre sua postura política.

  • Aborto: Amoêdo defende que  mulheres precisam ser livres com suas decisões desde que isso não se choque com a lei. Ele se refere a lei que preside na legislação atual  que permite o aborto somente para casos de estupro. O presidenciável sugeriu, em dezembro do ano passado, em uma entrevista a HuffPost Brasil, que o país adotasse um posicionamento de federalismo no que tange a essa questão;
  • Casamento Gay: Neste caso, Amoêdo se posiciona de forma idêntica a de seu partido a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Contudo, ele também não critica candidatos opositores que se posicionam de forma diferente da dele;
  • Drogas: O pré-candidato é João Amoêdo tem postura firme em relação às drogas se posicionando contra a legalização no geral, mas opta pela descriminalização do porte da maconha em pouca quantidade. João acredita que o uso da erva para fins medicinais não é prejudicial a sociedade, pois do ponto de vista do custo-benefício seria algo que beneficiaria o país como um todo. Em seu governo ele pretende deixar a legislação como está levando em consideração que o combate como é feito hoje não funciona.
  • Desarmamento: No que cabe a questão do desarmamento o pré-candidato explicou na mesma entrevista ao HuffPost Brasil que seu partido se posiciona contra. Dessa forma tanto ele, quanto o Partido Novo seguem o pensamento de que todo e qualquer indivíduo precisa ter liberdade de portar arma sim, se for de seu interesse, desde que seja realizado dentro da lei e com responsabilidade.

Considerações finais sobre João Amoedo

João Amoêdo está confiante com a sua participação nas eleições apesar da presença diminuta de seu partido perante aos demais. Especialmente, após a eventual saída do ex-presidente Lula da candidatura.

Lula era o candidato que mais ameaçava sua campanha, assim como a de todos os outros presidenciáveis. Mas, com Lula fora da campanha o desafio de Amoêdo agora é bater aquele que segundo as pesquisas estava em segundo lugar, Jair Bolsonaro.

Contudo, Amoêdo ainda acredita em uma mudança no cenário levando em consideração o fato de que muitos ainda não sabem em quem irão votar. Sendo assim, ele acredita em uma projeção maior do Partido Novo.

João Amoêdo pretende apostar nas mídias sociais, pois acredita que elas terão muita relevância em sua candidatura.

O Portal Tribuna Região não apoia ou endossa qualquer canditado e o conteúdo divulgado aqui é para fins meramente informativos.