Guilherme Boulos: Saiba Quem é

0
137
Guilherme Boulos

Guilherme Boulos é filósofo, psicanalista e atualmente uma das principais lideranças da esquerda do Brasil. Hoje, como pré-candidato à Presidência ele diz ter um  plano de governo justo para acabar com a desigualdade social.

Quem é Guilherme Boulos?

Sua história é muito diferente do que estamos acostumados a ver no meio político. Aos 20 anos, ele abandonou o conforto da casa dos pais para ir morar com a “plebe”.

Isso mesmo que você leu! Boulos, filho de um casal de médicos e professores da USP (Universidade de São Paulo), abandonou a vida confortável do lar no início da juventude para ir morar na ocupação Carlos Lamarca, em Osasco (SP).

Aos que desconhecem, esse lugar é onde habitam até então por volta de  dois mil sem-tetos que acampam um terreno vazio com cerca de 600 mil metros quadrados.

Sim, essa foi à origem da transformação daquele que hoje se coloca em posição de pré-candidato à Presidência da República pelo partido PSOL.  Há exatos 15 anos atrás, se deu o surgimento deste militante estudantil que viria a tornar-se porta-voz da luta pela moradia no país.

Boulos

Características de governo de Guilherme Boulos

Guilherme Boulos nasceu em 1982, natural de São Paulo o também professor e escritor é o candidato à presidência mais novo em toda a história das eleições presidenciais.

Obviamente seu governo todo é embasado na questão da desigualdade social, que possui um apelo muito forte em todas as eleições brasileiras.

O apreço pelo movimento e a luta pela democracia do candidato desde os 15 anos foi o motivo do mesmo ingressar no movimento estudantil. Foi a partir daí que Boulos militou na União da Juventude Comunista (UJC).

Posteriormente, conheceu o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), assim como Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) e desde então luta por esse grupo até os dias de hoje como líder.

O plano de governo de Boulos é o que ele chama de “Vamos!”, uma espécie de plataforma de debates da Frente Povo Sem Medo, onde Boulos é um dos líderes.

Todas as propostas pretendem incluir medidas que têm como carro chefe a revogação de todas as reformas do governo Temer, a reestatização dos setores de telefonia e o aumento de impostos pagos pelos ricos.

O candidato conta hoje com o apoio de grandes nomes de intelectuais, artistas, políticos e líderes de movimentos sociais de esquerda, como por exemplo, o cantor Caetano Veloso, o arquiteto Nabil Bonduk e  a produtora cultural Paula Lavigne.

Dentre outros se destacam a cineasta Marina Person, Frei Betto, a deputada Luiza Erundina e a escritora Antonia Pellegrino.

Guilherme Boulos ao Lado do Ex presidente Lula

Mais da história de Guilherme Boulos

Guilherme Boulos se formou em Filosofia na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Ministrou aulas na rede pública de ensino do Estado de São Paulo e então rumou-se para a política.

Dois anos depois de se formar, tomou a decisão de deixar a casa dos pais e mudou-se para a Ocupação Carlos Lamarca, do MTST, em Osasco, grande São Paulo.

Dotado de boa formação intelectual, moral e ética, ao sair da casa dos pais, uma decisão um tanto quanto “radical” Boulos decidiu lutar pelos pobres e desafortunados.

Concentrou-se em suas atividades no segmento da população sem acesso ao direito de moradia e pôs sua vida a serviço dos direitos humanos.

Considerações finais

Há pouco tempo atrás ninguém sabia quem era Guilherme Boulos. Isso, porque sua ascensão meteórica se deu poucas horas depois de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrar no prédio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Sim, o líder do MTST liderou todo o ato de resistência ao encarceramento de Lula e esteve ao lado do mesmo em todos os momentos até a prisão. Logo, acabou ganhando seus quinze minutos de fama e foi convocado pelo PSOL para representá-los na próxima eleição.

Até então não há muitas mais informações a respeito do candidato. No entanto, Frei Beto, um de seus apoiadores, o definiu da seguinte forma:  “Guilherme Boulos é uma das mais jovens e promissoras lideranças de movimentos sociais brasileiros”.

Podemos mesmo dizer que as propostas de Boulos são totalmente contrárias às ideias do candidato liberal João Amoedo, pré-candidato do Partido Novo à Presidência da República.